Bem Vindo

Nossa História

"A Transportadora Capivari foi fundada em 1971, numa época em que haviam pouquíssimas empresas instaladas na Região de Campinas. Sua atuação, no inicio era transportador de matérias-primas e produtos acabados para o abastecimento das industrias da região. O atendimento diferenciado prestado às industrias, fez com que a empresa crescesse, ampliando sua carteira de clientes e os serviços oferecidos. Em 2011 a Transportadora Capivari completa 40 anos de tradição no segmento de transporte de cargas e serviços logísticos.”

Notícias

Caminhão-trator poderá pagar IPVA junto com demais veículos de carga.

O grande problema enfrentado pelas transportadoras com as diferenças de datas para o pagamento do IPVA para caminhões tratores...

 

 

Caminhão-trator poderá pagar IPVA junto com demais veículos de carga.
 
O grande problema enfrentado pelas transportadoras com as diferenças de datas para o pagamento do IPVA para caminhões tratores (cavalos mecânicos) e demais veículos de carga acaba de ser solucionado, graças à atuação do SETCESP e da FETCESP.
O Decreto 57.517/11, publicado no Diário Oficial na semana passada, resolve a questão ao permitir que o prazo de pagamento do imposto seja o mesmo para caminhões-tratores e demais tipos de caminhões.
“Esta questão foi alvo de um trabalho forte do SETCESP e da FETCESP, pois as diferenças de datas e prazos para o pagamento do IPVA para os caminhões estava gerando muitas dificuldades para as empresas. Esta é mais uma vitória de nosso setor, graças à atuação de nossas entidades representativas”, comenta o presidente do SETCESP, Francisco Pelucio.
Fonte: Setcesp. 

 

SP vai restringir circulação de caminhões na Marginal Tietê.

Veículos de carga serão proibidos das 4h às 10h e das 16h às 22hs. Horário de proibição será ampliado na Marginal Pinheiros.

 


SP vai restringir circulação de caminhões na Marginal Tietê.

Veículos de carga serão proibidos das 4h às 10h e das 16h às 22h. 

Horário de proibição será ampliado na Marginal Pinheiros.

Prefeitura de São Paulo anunciou nesta quinta-feira (10) que vai restringir a circulação de caminhões na Marginal Tietê. A proibição será das 4h às 10h e das 16h às 22h. Uma campanha educativa sobre a mudança será feita na cidade em dezembro. A partir de janeiro os motoristas já serão multados.
Na Marginal Pinheiros e na Avenida dos Bandeirantes, onde o tráfego de veículos de carga já é proibido entre 5h e 21h de segunda a sexta, a restrição passará a ser das 4h às 22h.
As medidas foram tomadas com base em estudos de trânsito. Com isso, a Prefeitura quer que os caminhões que não precisam entrar na cidade usem mais o Rodoanel, a Avenida Jacu-Pêssego e outras vias no entorno da capital paulista.
Além da Marginal Tietê, as avenidas do Estado, Salim Farah Maluf, Juntas Provisórias, Presidente Tancredo Neves, Paes de Barros e o corredor das avenidas Marquês de São Vicente e Ermano Marchetti também terão restrição aos caminhões. O trecho no qual os veículos de carga serão proibidos na Marginal Tietê ainda não foi definido.
Morumbi
Em 2010, além de implantar a restrição aos caminhões na Marginal Pinheiros, na Avenida dos Bandeirantes e na Avenida Jornalista Roberto Marinho, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) também proibiu a circulação de veículos de carga nas seguintes vias: Avenida Professor Francisco Morato, Avenida Giovanni Gronchi, Avenida Morumbi (entre as pontes do Morumbi e da Avenida Professor Francisco Morato), Avenida Luís Migliano, Avenida Guilherme Dumont Villares, Avenida Jacob Salvador Zveibel, Avenida Jorge João Saad, Rua Oscar Americano, Rua Padre Lebret e Rua Jules Rimet (entre a Rua Padre Lebret e a Praça Roberto Gomes Pedrosa).
O horário da proibição tem início às 5h e vai até as 21h, de segunda a sexta-feira. Aos sábados, começa às 10h e termina às 14h. A multa para quem desrespeitar a determinação é de R$ 85,12, além de quatro pontos na carteira.
Fonte: G1.

 

 

Proibição em SP eleverá inflação no País inteiro, afirma Fiesp.

Pagamento de adicionais noturnos a empregados (que chegam a até 100% do valor do salário) e custos adicionais para o transporte à noite.


 
Pagamento de adicionais noturnos a empregados (que chegam a até 100% do valor do salário) e custos adicionais para o transporte à noite (como reforço nas equipes de escolta e vigilância). Para o diretor de Infraestrutura da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Carlos Cavalcanti, a restrição anunciada ontem pela Prefeitura terá impacto direto no custo das mercadorias que circulam pela cidade e, consequentemente, no preço - o que elevará os índices de inflação no País inteiro, diz ele. 
"Estamos vivendo uma política de avestruz. Escondemos a cabeça na terra e esperamos os problemas se resolverem", diz. 
Os problemas, afirma ele, são a falta de estrutura logística e de transporte público na capital. "Isso é um reflexo da ineficiência de gestão e do escoamento de dinheiro decorrente da corrupção, que paralisa novas obras." 
Para Cavalcanti, uma agravante da restrição é o fato de o Rodoanel ainda não estar pronto. "Em Pequim, há três rodoanéis ao redor da cidade. Aqui, ainda está pela metade." 
O anúncio da restrição à circulação de caminhões na manhã de ontem também surpreendeu o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte de Carga de São Paulo e Região (Setcesp), Francisco Pelucio. Ele reprovou a medida e solicitará uma audiência com o prefeito Gilberto Kassab e o secretário municipal de Transportes e presidente da CET, Marcelo Branco. 
Francisco Pelucio disse que esteve há 15 dias com Kassab e o prefeito nada comentou sobre a medida. "Não tinha data, não tinha nada. Está faltando respeito com o transporte rodoviário de carga. O poder público está brincado com nosso setor." 
Concentração.
Para o Setcesp, as empresas de transporte de carga sediadas na zona norte serão as mais prejudicadas. Pelucio diz que grande parte das 7 mil companhias na capital estão em bairros como Casa Verde, Limão, Santana, Vila Maria e Vila Guilherme. 
"Restringir a passagem por São Paulo é uma coisa, mas tem as empresas que estão aqui dentro. Tem de ter licença especial. Chegando às 5 horas a São Paulo, onde os caminhões vão ficar parados se não tiverem por onde entrar? É o horário em que mais se roubam veículos". 
Marginal Tietê terá restrição para caminhões 
TV GLOBO - SPTV 2 ED
A prefeitura quer tirar 75 mil caminhões da Marginal Tietê nos horários de pico. A restrição começa no mês que vem em caráter educativo. A partir de janeiro, quem desrespeitar a regra será multado.
Fonte: O Estado de São Paulo.

Tabs
servicos
Serviços

Conheça nossos serviços e desfrute de toda nossa eficiência em soluções para transporte.

saibamais
tecnologia
Tecnologia

Contamos hoje com sistemas de informática para apoio às atividades do dia-a-dia.

saibamais
respsocial
Responsabilidade Social

Temos consciência de nossa responsabilidade social e realizações.

saibamais
clientes
Unidades

Conheça a nossa estrutura de atendimento em todo o território nacional.

saibamais

Rodovia Santos Dumont, Km 72,5 - Jardim Nova Mercedes - Campinas/SP | Telefone: (19) 3765-8700

© 2011 Transportadora Capivari. Todos os direitos reservados. Site desenvolvido por descubranet.com